Os orientais e suas artimanhas

*Pronto acho que agora é o fim daqueles copinhos plásticos e das salas pornos para coleta de sêmen.

Depois dessa invenção garanto que os exames de rotina de sêmen nunca mais serão os mesmos.

Os Chineses sempre com suas novas descobertas malucas ano passado lançaram a máquina de captação de esperma.

 

 

 

China International Medical Equipment Fair garante que esta máquina tem o controle de freqüência totalmente automatizado simulando a vagina de uma mulher, massageando, contraindo e com sucção em forma de vibraçoes, para estimular o pênis de um homem, agora a captação de espermatozóides tornou-se mais fácil e rápida, a máquina também é equipada com uma tela que pode reproduzir um vídeo para “ajudar” a completar a tarefa. De acordo com especialistas, a máquina é considerada o melhor dispositivo de coleta de sêmen.

Recursos
A simulação real da vagina do dispositivo, faz com que o paciente se sinta mais confortável com o processo de coleta de sêmen. Também oferece aos pacientes uma gama completa de estimulação de vídeo e áudio. Os preservativos especiais, não tem qualquer impacto na qualidade do sêmen, mas também pode eliminar todos os perigos ocultos que podem contaminar o sêmen e fornece medidas completas de isolamento de segurança para evitar infecção cruzada, ou seja entre os homens que usarem o aparelho.

 

 

 

O que mais sera que eles vão inventar daqui para frente?!?

 

 

 

 

 

CREU NO BBB

Na madrugada de hoje, o casal Yuri e Laisa, formado durante a 12ª edição do “BBB”, abandonou a festa patrocinada por uma marca de guaraná e resolveu comemorar de maneira mais íntima (também conhecida como “fazendo sexo”) em um dos quartos da casa.

Toda a “comemoração paralela”, que foi exibida ao vivo pela TV, não durou mais que 3 (três!) minutos (abaixo)…

Agora, é só esperar para Yuri ser expulso do reality. Primeiro, porque Laisa – assim como aconteceu com Monique – nem se mexeu. E, segundo, que ejaculação precoce em rede nacional é crime, né não?

FALTA DE SEXO PODE PROVOCAR MORTE SÚBITA EM MULHERES

Um estudo realizado pela Universidade de Tufts, em Massachussett, afirma que as mulheres que têm relações sexuais ocasionalmente são mais propensas a morrer subitamente.
De acordo com a pesquisa, o sexo regular pode ser considerado um exercício cardiovascular, que diminui o risco de sofrer um ataque cardíaco.

E o que são encontros ocasionais? Segundo pesquisadores, aqueles que acontecem com frequência inferior a uma vez a cada 30 dias.

Assim, a probabilidade de ter um ataque fulminante é 3,5% maior do que as mais namoradeiras.

Fonte: CNN